GLUTEOPLASTIA – PROCEDIMENTOS NO CORPO

O bumbum, principalmente no Brasil, é a preferência nacional e simbolo de sensualidade, trazendo a autoconfiança feminina frente ao seu corpo. Muitas mulheres, porém, mesmo fazendo exercícios e muita academia, seguem sem alcançar seu desejo de um bumbum maior.
A gluteoplastia, é cirurgia em que através do uso de prótese de silicone a mulher pode conquistar um bumbum maior, mais redondo e empinado como ela sempre desejou. Obviamente sempre respeitando o senso estético de acordo com seu biotipo e proporção corporal.
Outra opção para aumento do glúteo é o a lipoenxertia. A gordura aspirada de outras regiões do corpo pode ser processada e injetada nos glúteos, aumentando seu volume e harmonizando seu contorno.
As duas técnicas são capazes de produzir efeitos bonitos e naturais, a maior diferença entre elas é em relação ao volume desejado. Pacientes muito magras, que não possuem gordura para ser aspirada e necessitam de aumentos consideráveis de seus glúteos, são as candidatas as próteses, enquanto as que possuem gordura localizada em outras regiões e desejam pequenos ajustes de volume são as candidatas a lipoenxertia.
Quer aumentar seu bumbum? Procure-nos e veja qual a melhor técnica para o seu caso!

LIPOASPIRAÇÃO / LIPOESCULTURA – PROCEDIMENTOS NO CORPO

Dieta e exercício físico não resolvem gordura localizada! O único método efetivo e seguro para resolver esse problema é a lipoaspiração.

A afirmação acima pode até parecer polêmica e exagerada, mas é a mais pura verdade!
A distribuição de células de gordura no nosso organismo respeita um padrão genético e hormonal, e em geral após a puberdade essas células já estão todas formadas e devidamente posicionadas.
Existem vários padrões corporais, a mulher “pêra” com maior concentração desse tipo de célula nas nádegas e pernas, a mulher “oval” com maior concentração na região da cintura e a mulher “triângulo invertido” com maior deposição na área dos braços, costas e pescoço. Além de variações entre um gênero e outro, mas em geral muito semelhante aos nossos pais e irmãos.
Quando ganhamos peso, inicialmente essas células tornam-se cada vez mais cheias e portanto maiores, sem modificar seu número. Mas em casos no qual o ganho de peso for extremamente acentuado, as células chegam ao seu limite biológico de aumento, o que provoca sua bipartição em duas novas células (processo de hiperplasia celular), piorando ainda mais o contorno corporal, e aumentado a capacidade de ganho das regiões já mais afetadas.
Quando emagrecemos, da mesma maneira essas células diminuem ao máximo biológico possível, mas nunca morrem, o que torna impossível tratar a gordura localizada apenas com dieta.
Obviamente manter o peso corporal adequado é fundamental, mas quando tratamos de gordura localizada a única maneira de efetivamente resolvermos tal deformidade de contorno corporal é retirando essas células do local inadequado no qual se encontram, através da lipoaspiração.
Além disso, quando nos submetemos a dietas bastante restritivas, que nos permitem grandes perdas ponderais, e melhora razoável da maldita “gordurinha” que tanto nos incomoda, essas células que diminuíram ficam ávidas por nutrientes, e qualquer escape nosso da dieta serve para elas buscarem restaurar seu tamanho original!
É aquela famosa expressão: “parece que o primeiro bombom que eu como vem logo para o meu maldito culote”! E vem mesmo.
Dessa maneira a lipoaspiração bem feita, ao retirar efetivamente as células do local, trata a gordura localizada definitivamente, pois mesmo com o ganho de peso, não existem mais células de gordura naquela região para receberem nutrientes. A gordura do local que você aspirou não volta!!
Isso não quer dizer que você não vá engordar, existem outras células no seu corpo que receberão aquele excedente alimentar e seu “padrão corporal” poderá até mudar em casos de ganho exessivo de peso.
Portanto dieta e exercício físico são fundamentais para: manter o peso corporal, promover saúde, manter músculos fortes e tróficos,melhor funcionamento de todos os seus órgãos, entre muitos outros benefícios, mas em são ineficientes no problema que tanto aflige nós mulheres diariamente em frente ao espelho, a infeliz da “gordura localizada”! Para ela a única solução é a lipoaspiração!
O casal plástica, afirma que hoje em dia é um dos procedimentos mais realizados no Brasil e no mundo, sendo um importante recurso para melhora do contorno corporal e reduzir medidas. É um procedimento seguro, desde que realizado em ambiente hospitalar, após uma avaliação pré-operatória correta e com profissional habilitado e credenciado pela SBCP.
A lipoaspiração está indicada nas gorduras localizadas (lipodistrofia), não tendo como o objetivo o emagrecimento.
As zonas a serem lipoaspiradas e quantia variam de acordo com o paciente e necessita uma criteriosa avaliaçao do especialista, visto que há limite seguros.

A lipoescultura, consiste em uma cirurgia artística. O cirurgião retira a gordura de áreas que têm em excesso (faz a lipoaspiração), e através de um processamento dessa gordura lipoaspirada, ele usa esse material para corrigir áreas de depressões e promover um contorno corporal que a paciente nunca imaginou em ter, ressaltando curvas e aumentando o tamanho do bumbum – se indicado, o que é fantástico. De forma escultural – lipoEscultura – o cirurgião estabelece e revive um novo conceito de beleza na mulher.
“Nós aprecíamos muito e nos dedicamos a essa cirurgia em especial, pois ela é capaz através do procedimento, remodelar de maneira técnica e artística o corpo feminino, impulsionando a conquista da sua autoestima.”

ABDOMINOPLASTIA – PROCEDIMENTOS NO CORPO

Localizado na área central do corpo, o abdome também é central no modo como nos vemos.
Após a gestação e ou após grande perda de peso, a distensão do abdome causa desequilíbrio no corpo e na autoestima feminina.
A flacidez, o execesso de pele, as estrias e o abaulamento causado pela separação da musculatura, o surgimento de hérnias, todos esses fatores desfiguram as características prévias da beleza do corpo da mulher.
O pior é que mesmo com o esforço em retomar o peso corporal, a dieta e o exercício físico não são capazes de reestabelecer a harmonia dessa região do o corpo. “Apele, as estrias, as hérnias e a diástase dos retos só são corrigíveis com cirurgia!”
A cirurgia do abdome (dermolipectomia abdominal), é realizada através de uma incisão que pode ser camuflada nas roupas íntimas/biquini, e através da qual é possível retirar toda a flacidez e as estrias, além de aproximar a musculatura e corrigir as hérnias.
Na maioria das vezes associamos com a lipoaspiração, para remover as gorduras localizadas, delineando a cintura em conjunto com um abdome tonificado, e assim, promover um contorno corporal belo e harmonioso. Retome sua autoimagem e satisfação com seu corpo, afinal você merece.

PÓS CIRURGIA BARIÁTRICA – PROCEDIMENTOS NO CORPO

Após a cirurgia de redução de peso, ou qualquer perda substancial de peso, a pele e os tecidos, muitas vezes, não têm elasticidade e podem não estar em conformidade com o tamanho reduzido do corpo. Como resultado, a pele, que foi severamente estendida, agora não tem sustentação:
• Os braços ficam flácidos,
• As mamas podem achatar e ficar com mamilos apontados para baixo,
• O abdome pode se estender nas laterais e na zona inferior das costas, o que resulta em uma saliência semelhante a um avental,
• As nádegas, a virilha e as coxas podem apresentar flacidez, ocasionando bolsas suspensas de pele.
A intervenção cirúrgica de contorno corporal, após grande perda de peso, melhora a forma e o tônus do tecido subjacente, que sustenta gordura e pele, e remove o excesso de gordura e flacidez da pele. O resultado é uma aparência mais normal do corpo, com contornos suaves. Esta é, em essência, a fase final do processo de perda de peso. (fonte SBCP)

Cirurgia Plástica Pós-Bariátrica

A cirurgia bariátrica, promove além da redução importante do peso corporal, a cura muitas vezes de doenças associadas como hipertesão e diabetes. Essa melhora da saúde do paciente é muito comemorada, entretanto junto com essa grande perda de peso, vem a flacidez corporal na grande maioria dos pacientes. Esse excesso de pele, causado pela diminuição do peso corporal, causa muito constrangimento relatado aos pacientes.
Por LEI, o paciente pós cirurgia bariátrica tem por direito através do seu plano de saúde, a cirurgia plástica após a perda de peso ocorrida pela cirurgia da obesidade.
O paciente pode pelo seu plano de saúde, fazer a cirurgia dos braços, mama, abdome e coxas. Iremos falar sobre cada um desses procedimentos para corrigir esse excesso de pele dos pós-bariátricos.

MAMA – Mamoplastia COM ou SEM Prótese Silicone

Após a perda de peso, ocorre grande alteração na mama da mulher. Os seios torna-se flácidos e caídos (ptose), além do constrangimento íntimo com seus parceiros, esse excesso de pele pode ocasionar feridas abaixo dos seios (dermatites) e até mesmo infecções.
A cirurgia mamoplastia, visa retirar o excesso de pele, subindo a mama para posição próxima da original, colocando ou não, de acordo com a avaliação médica e o desejo da paciente, a prótese de silicone.

ABDOME – Abominoplastia Pós- Bariátrica

O excesso de pele abodminal, causa dificuldade no uso de vestimentas, dificuldade para limpeza das dobra da pele e das partes íntimas, que muitas vezes também apresentam infecções e inflamação na pele. Além disso, muitos pacientes têm hérnias, cicatrizes não estéticas e estrias ao longo do abdome.
O tratamento proposto, portanto, é retirar esse excesso de pele (abdominoplastia tradicional ou âncora), costurar a musculatura interna (corrigir a diástase dos retos abdominais) e repar as hérnias abdominais presentes. Isso promove uma melhora importante nos pacientes, tornando os readptados ao convívio social.

BRAÇOS – Braquioplastia Pós- Bariátrica

A flacidez dos braços é muitos presente nesses pacientes, isso provoca dificuldade de se vestir, exercitar e muitas vezes no próprio trabalho que executa.
A cirurgia para corrigir, a braquiplastia associada se indicada a lipoaspiração, retira o excesso de pele, deixando a cicatriz em uma região mais escondida, e melhorando muito o contorno do braço, o que traz um grande alívio corporal.

COXAS – Cruroplastia

Esse nome é dado a cirurgia que retira o excesso de flacidez de pele da região interna das coxas. O excesso de pele nessa região, além de dificultar a pessoa na higienização, também local de infecções e dermatites, traz uma dificuldade enorme para pessoa se vestir com roupas adequadas, e o mais importante, dificulta em muitos pacientes a caminhar (deambular) tamanho é o excesso de pele nessa região. Por isso, a importância da correção dessa região.

Sem dúvidas, a perda de peso, traz uma satisfação enorme ao paciente, e o que vemos é quando associamos a mellhora da saúde, com a reitirada dos excessos de pele, cirurgia plástica pós-bariátrica, há um acréscimo de felicidade e melhora da auto-estima enorme, já que a melhora da auto-estima reitegra de uma maneira plena esses pacientes à sociedade.

O casalplastica realiza a cirurgia plástica em pacientes pós-bariátricos, tendo grande experiência nessas cirurgias e realizando diversos cursos no exterior no assunto.

CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA – PROCEDIMENTOS NO CORPO

A aparência íntima da mulher é capaz de gerar grande incômodo na relação feminina com o sexo. Apesar de não ser tão aparente, a presença de aumento dos pequenos lábios, ou a presença de um púbis muito alto, pode gerar constrangimentos, afetando a vida da mulher e provocando grandes danos psicológicos.
A cirurgia íntima, ou ninfoplastia, e a cirurgia na qual através de um procedimento relativamente rápido, retiramos o excesso de tecido dos pequenos lábios vaginais, mantendo seu formato, sua função e sua sensibilidade intactas.
O aumento dos pequenos lábios inicialmente dificulta a exposição do clitóris, diminuindo o prazer durante as relações, em casos maiores ele também dificulta a penetração, podendo causar dores durante a relação e perda da lubrificação, se não tratado, crônicamente vai diminuindo a libido feminina progressivamente.
A cirurgia é fundamental nesses casos, ela promove maior conforto para mulher no uso de roupas íntimas, maior prazer na prática sexual e transforma sua relação com o parceiro.
No caso do púbis, a lipoaspiração corrige esse excesso de volume, suavizando a transição para o períneo, o que traz maior harmonia para a região genital, tornando mais atrativa visualmente, o que direta e indiretamente aumenta a satisfação sexual da mulher.

Depoimentos

Assim que vi meus seios fiquei paralisada! Era exatamente o que eu queria!! Simplesmente perfeito! Eles conseguiram reproduzir exatamente o que eu esperava! não consegui conter as lágrimas!

Gabriela M.

Operar o meu nariz foi a realização de um sonho! Não sei nem como descrever! Anos me sentindo feia! A cirurgia foi fantástica, o pós operatório muito tranquilo e o resultado surpreendente! Mudou todo meu rosto, sou mais feminina, delicada! Estou me amando como nunca!

Liana G.

Reduzi minhas mamas e fiz uma lipoescultura, e simplesmente mudei de vida! A reação das pessoas é engraçada, ficam em choque, paralisadas! Realmente ficou fantástico! Eu não poderia estar mais feliz, muito satisfeita com meu resultado! não paro de indicar! Obrigado por tudo que fizeram por mim! Hoje sou uma nova mulher!

Grasiela B.

Quero agradecer pela minha cirurgia! Estou linda! Sempre quiz operar mas nunca tive coragem! A nossa primeira consulta, a sinceridade, calma, atenção e segurança, sem exageros, foi fundamental na minha decisão! E hoje vejo que fiz a escolha certa! Estou radiante! Parabéns pelo profissionalismo, me senti amparada em todos os momentos! Muito obrigado de coração!

Katarina L.